Gel de carboidrato, porque utilizar?

POR CAMILA GOMES – O gel é um suplemento que vem no formato em sachê composto por imagem_sachecarbo
carboidratos e é utilizado para o fornecimento de energia durante a prática de atividades físicas. O suplemento em gel tem se tornado cada vez mais popular entre os corredores de rua, principalmente em provas como meia maratonas e maratonas.

Nosso corpo armazena um estoque de carboidratos que, em média, dura 60 minutos com a prática de atividades intensas; depois deste período, a recomendação é que você reponha esse estoque para que mantenha seu rendimento, evite a fadiga e a perda de glicogênio muscular.

Segue abaixo tabela de recomendação:

Duração de até 1 hora: Apenas água

Duração de 1h30min: 1 Sachê de Gel a cada 45 minutos

Duração de 2 horas: 1 Sachê a cada 30 minutos (a partir dos 40 minutos)

Duração de 3 horas: 1 Sachê a cada 25 minutos (a partir dos 40 minutos)

Duração de 4 horas: 1 Sachê a cada 20 minutos (a partir dos 40 minutos)

Alguns géis possuem BCAA’S, que são aminoácidos que ajudam na recuperação muscular, sendo ideal em corridas mais longas – mas isso não exclui o uso dos aminoácidos antes e após as atividades. Outros minerais que as indústrias têm colocado nos géis que exercem funções importantes para as desportistas são vitaminas antioxidantes e minerais. Apesar do consumo de vitaminas, aminoácidos e outros minerais serem importantes para o desportista, não devem ser determinantes para a escolha do gel utilizado durante a atividade física.

A cafeína tem sido utilizada em géis como estimulante energético; além disso, pesquisas recentes comprovam que ela alivia e retarda a fadiga nas atividades físicas, pois ajuda a poupar as reservas de glicogênio do corpo aliada aos carboidratos contidos no gel – combinação perfeita para nós que somos corredores de rua. O melhor momento para que se consuma os géis que contêm cafeína é antes dos treinos.

Detalhe não menos importante: qualquer que seja o gel que você decida escolher na hora da compra, eles devem ser testados durante os treinos para que você consiga saber qual tem melhor adaptação, melhor digestibilidade, e não lhe cause desconforto gastrointestinal ou mal-estar.

A água é o condutor do gel de carboidratos, caso consuma o gel de carboidrato sem agua ele levará mais tempo para digerir e entrar na corrente sanguínea, levando a queda da performance se não for calculado o tempo ideal de consumo e absorção.

Além dos géis, existem outras opções praticas que podem exercer uma função similar ao gel, seguem elas;

Bala de goma, banana passa desidratada, rapadura, mel em sache são opções práticas e que podem substituir os géis, hoje no mercado existem géis formulados com ingredientes 100%naturais.

Lembrando que os géis não substituem uma alimentação equilibrada antes e após os treinos e não pode ser usado como substituto de refeição e sim como um auxílio ergogênico a fim de repor e manter o glicogênio muscular evitar a fadiga, consequentemente melhorando a performance.

(*) CAMILA GOMES é Graduada em Nutrição pela Universidade Paulista, Especialista em Bioquímica e Fisiologia, Treinamento e Nutrição Desportiva pela UNICAMP – Laboratório de Bioquímica do Exercício – LABEX. É nutricionista P&D da New Millen Suplementos e atua na área Clínica Desportiva, além de ser corredora amadora.

One Response
  1. Daniela Barcelos 1 ano ago

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *