Maratona do Rio reúne 30 mil participantes em disputas presencial e online

Festival marcou o retorno das grandes provas de rua na América Latina.

A Maratona no Rio, uma das mais tradicionais e importantes provas de corrida rua do Brasil, realizada desde 2003, foi o primeiro grande evento de corrida de rua nesta retomada, possível pelo controle da pandemia. O evento, realizado em formato híbrido e em novo local, na Marina da Glória, reuniu cerca de 30 mil participantes no último fim de semana, que puderam optar entre as modalidades presencial e virtual para competir, nas distâncias de 5km, 10km, 21km, 42km e o desafio.

As motivações dos atletas na última segunda-feira, 15 de novembro, segundo dia de provas, eram inúmeras. Finalmente a Maratona do Rio, era uma realidade. E se para uns o mais importante era a superação pessoal, para outros os dias de treinos foram mais longos do que se esperava com o isolamento social em busca do pódio. E no Rio de Janeiro, as passadas largas pelas paisagens deslumbrantes da Cidade Maravilhosa deram um estímulo a mais para a chegada no lugar mais alto do pódio dos atletas que vieram de Petrolina, em Pernambuco, Justino Pedro da Silva e Mirela Saturnino de Andrade, primeiros colocados no masculino e feminino, respectivamente.

Correndo pela primeira vez a Maratona do Rio, Justino Pedro comemora o novo recorde de tempo da prova de 2h13’31″. Foi um ano muito difícil. Não deixei de treinar em nenhum momento, pois sabíamos que em algum momento as competições iriam voltar. Estava confiante no resultado e deu certo. Agora já quero voltar ano que vem”, comemora Justino.

Já Mirela Andrade, habitué da Maratona do Rio, ocupou pela primeira vez na sua história ao lugar mais alto do pódio da prova com o tempo 2h35’36’’. “Estou muito feliz por estar neste evento. Especialmente após tanto tempo em casa, a emoção que sinto não cabe no peito. Esta Maratona tem a vista mais linda do mundo e poder voltar a competir num visual deste é ainda mais gratificante”, comenta a atleta.

De acordo com João Traven, sócio-fundador da Maratona do Rio, foi um fim de semana de muita superação. “Desde março do ano passado vivíamos incertezas e precisamos nos adequar a novos formatos para manter o espírito da Maratona do Rio vivo, como a de realizar o formato virtual da prova. Hoje, olhando o nosso retorno valorizamos ainda mais o esporte e momento de reencontro com atletas. Tivemos lágrimas de superação e de emoção, tivemos doação, entrega, mas acima de tudo tivemos um evento mágico. Entregamos a edição de 2021 já fazendo planos para o próximo ano. Os atletas podem aguardar a melhor e maior Maratona de todos os tempos”, garante Traven.

Para Duda Magalhães, Presidente da Dream Factory, “Se os atletas precisam das ruas, o que dizer desta Cidade Maravilhosa? O Rio respira experiências ao ar livre e nada mais dentro deste contexto que a Maratona do Rio. Começamos com a corrida e terminamos em uma grande celebração na linha de chegada, no pódio e na festa do público. Toda esta produção é envelopada pelo sentimento de gerar aos nossos visitantes a melhor memória sempre, seja para cariocas, seja para os turistas que lotaram a rede hoteleira neste feriadão”, finaliza.

Após a corrida, o Aterro do Flamengo e a Marina da Glória foram tomados pela festa das pessoas. O espaço Arena da Maratona reuniu ativação das marcas parceiras do evento para um momento de relaxamento e celebração entre os participantes.

A Maratona do Rio 2021 conta com Patrocínio Master das marcas Cosan, Claro e Ortobom. A marca esportiva oficial é a Olympikus e a prova tem o patrocínio do isotônico Gatorade, Michelob, NewOn e da Lei Estadual de Incentivo ao Esporte do Rio. Os apoiadores são a Rede Windsor de Hotéis, Estácio e Prefeitura do Rio.

Corridas de 5km|Ortobom 2021, 10km|Ortobom 2021 e Meia Maratona| Claro 2021 (21km) completam o festival de Corridas de Rua da Maratona do Rio

Ainda na segunda-feira, 15, outras duas provas foram realizadas no Aterro do Flamengo, no Rio de Janeiro as provas de 5km e 10km. Com largada simultânea às 9h da manhã, a superação foi a marca registrada, com atletas amadores participando pela primeira vez da corrida. No masculino, quem ficou com a primeira colocação na prova de 5km |Ortobom 2021 foi o Vinicius de Carvalho Alves e Ronald Jefferson na prova 10km|Ortobom 2021. Já no feminino, a melhor posição foi de Gabriela de Freitas Tardivo, na prova dos 5km|Ortobom 2021 e Solange Mariano na prova 10km|Ortobom 2021.

A Meia Maratona| Claro 2021 (21km) foi a primeira prova do festival e aconteceu neste domingo, 14. O destaque entre os homens foi Marcos Fernandes da Cruz, com o tempo de 01h08min42’’. Entre as mulheres, o primeiro lugar ficou com Simone Ponte Ferraz, que completou a prova em 01h15min21″.

Atletas superam seus próprios limites e encaram Desafio Maratona do Rio

Se correr 42km não parece uma tarefa fácil, já pensou como seria ampliar este número e chegar à marca de 63km? Alguns atletas encararam este desafio e participaram da Meia Maratona| Claro 2021 (21km) no domingo e da prova desta segunda. Juntas, elas somavam o montante de 63km. No total, mais de mil pessoas participaram do desafio.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *