A 23ª Volta Internacional da Pampulha terá brasileiros mantendo a tradição

Alguns dos principais nomes do país na atualidade confirmaram presença na Elite.

Crédito: Divulgação Yescom

A 23ª edição da Volta Internacional da Pampulha reunirá, mais uma vez, alguns dos principais nomes das corridas de rua do país. Com 12 conquistas na história – duas a mais que os estrangeiros –, os corredores brasileiros da Elite masculino chegam fortes para brigar por mais um resultado positivo e pela manutenção da vantagem na prova mineira. O evento será realizado no dia 11 de dezembro, com 18 km em torno da Lagoa da Pampulha, em Belo Horizonte, ponto turístico da capital mineira, e será uma prévia da Corrida Internacional de São Silvestre, no dia 31 de dezembro, em São Paulo.

A largada será na Avenida Antônio Abrahão Caran, ao lado da arena do Estádio Governador Magalhães Pinto, o Mineirão, também local da chegada e da arena do evento. A programação do dia é a seguinte: 6h55min, Cadeirantes; 6h59min, Elite A/B masculino e feminino, 7h01min, Atletas como Deficiência, Pelotão Premium e Pelotão Geral.

A relação de atletas nacionais é encabeçada pelo mineiro Giovani dos Santos. Natural da cidade de Natércia, ele alcançou o topo do pódio da Volta da Pampulha seis vezes e tem tudo para aumentar a lista de vitórias em Belo Horizonte. A perspectiva positiva é embasada na temporada positiva vive o atleta. Neste ano, destacam-se as conquistas da 1ª Meia Maratona Internacional de Guarulhos e a Dez Milhas Garoto, além de um terceiro na Meia Maratona Internacional de Rio de Janeiro, entre outros.

Ainda podem assegurar o topo de pódio para o Brasil os atletas Gilmar Silvestre Lopes, vice na Meia Maratona Internacional do Rio de Janeiro deste ano, terceiro nas Dez Milhas Garoto; seu irmão, Gilberto Silvestre Lopes, 3º nos 21 km da Rio de Janeiro Marathon de 2017 e vice na Aricanduva Run 2022; Sávio Silva, vencedor da Aricanduva Run e quarto na 1ª Meia Maratona de Guarulhos, ambos em 2022; e Robson Lima, terceiro colocado na Meia Maratona de Foz e nos 21 km da Meia Maratona do Rio de Janeiro.

O evento está na reta final de inscrições e o prazo terminará nesta sexta-feira, dia 18 de novembro, restando apenas a modalidade Promo. Mais detalhes podem ser obtidos no site oficial, www.voltadapampulha.com.br. A entrega do kit será realizada nos dias 8 e 9 de dezembro, das 10h30min às 20h30min, e no dia 10 de dezembro, das 10h30min às 17h30min, na EXPO Atletas, montada no Power Shopping Centerminas, localizado na Av. Pastor Anselmo Silvestre, 1495 – União, Belo Horizonte.

A 23ª Volta Internacional da Pampulha oferece o benefício de desconto para pessoas com 60 anos ou mais. Dessa forma, os corredores desta categoria não podem ceder sua inscrição em hipótese alguma a terceiros, pois cometerão uma fraude passível de ser punida de acordo com a Lei, conforme está detalhado no Regulamento. Haverá uma área especial na entrega de kit para melhor atender e realizar a verificação de documentos da pessoa inscrita com 60 anos ou mais. Para efeito de classificação, fácil reconhecimento e monitoramento, o número de peito desta categoria será diferenciado. A chegada também contará com câmeras para identificação de todos os atletas inscritos.

Contra os corredores não oficiais (pipocas) haverá bloqueios nas ruas de acesso à largada, sendo que a entrada será permitida apenas aos atletas com número de peito. A infraestrutura do evento está dimensionada para o número oficial de inscritos, não contemplando serviços a atletas sem inscrição. A Organização reforça que a participação de “pipocas” compromete a qualidade da Prova e prejudica o desempenho dos participantes oficiais.

A Cosan apresenta a 23ª Volta INTL da Pampulha que tem organização da Yescom e promoção da Globo. O patrocínio é de Cosan, 3 Corações, Assaí, Moove, Drogaria Pacheco, Unimed BH e SmartFit. O apoio é de Center Minas Shopping, Montevérgine, Dois Cunhados, Movida e Itambé. O apoio especial é da Prefeitura de Belo Horizonte, com supervisão da Federação Mineira de Atletismo (FMA) e Confederação Brasileira de Atletismo. CBAt.

Resultados da 22ª Volta Internacional da Pampulha

Masculino

1) Bernard Chumba (Quênia), 59min01seg

2) Robson de Lima (Brasil), 59min49seg

3) Savio de Paula Silva (Brasil), 1h00min35seg

4. Leonardo Santana (Brasil), 1h01min10seg

5) Antonio de Sousa Lima (Brasil), 1h02min00seg

Feminino

1) Viviam Kiplagati(Quênia), 1h06min38s

2) Larissa Quintão (Brasil), 1h10min08seg

3) Amanda de Oliveira (Brasil), 1h11min12seg

4) Jozeli de Castro (Brasil), 1h11min17seg

5) Alice Yuri Fonseca (Brasil), 1h25min56seg

Campeões da Volta da Pampulha

2021 – Bernard Chumba (QUE), 59min01seg/Vivian Kiplagati (QUE), 1h06min38seg

2019 – Ederson Vilela Pereira (BRA), 56min19s/Janet Masai (QUE), 1h05min10s

2018 – Nicolas Kosgei (QUE), 55min08seg/Sharon Arusho (QUE), 1h05min11seg

2017 – Giovani dos Santos (BRA), 54min55seg/Leah Jerotich (QUE), 1h02min42seg

2016 – Giovani dos Santos (BRA), 52min55seg/ Angelina Tsere/(TAN), 1h02min04seg

2015 – Giovani dos Santos (BRA), 52min32seg/Natalia Sulle (TZA), 1h03min55seg

2014 – Giovani dos Santos (BRA), 53min51seg/Joziane Cardoso (BRA), 1h02min42seg

2013 – Giovani dos Santos (BRA), 53min15seg/Maurine Kipchumba (QUE),1h01min27seg

2012 – Giovani dos Santos (BRA), 57min04s/Maurine Kipchumba (QUE), 1h07min08s

2011 – Barnabas Kiplagat(QUE), 53m09s /Nancy Kipron(QUE), 1h02m41seg

2010 – Barnabas Kiplagat(QUE), 54min08s/ Bornes Kitur(QUE), 1h05min12seg

2009 – Nicholas Koech(QUE), 52min48s/Paskalia Chepkorir (QUE), 1h00min39s (recorde)

2008 – Nicholas Koech (QUE), 53min05s/ Nancy Kipron (QUE), 1h02min23s

2007 – Franck Caldeira (BRA), 53min13s/ Nancy Kipron (QUE), 1h02min41s

2006 – Franck Caldeira (BRA), 53min52/Lucélia Peres (BRA), 1h02min14

2005 – Lawrence Kiprotich (QUE), 52min23s (recorde)/ Lucélia Peres (BRA), 1h00min57s

2004 – Lawrence Kiprotich (QUE), 53min53s/ Lucélia Peres (BRA), 1h03min14s

2003 – Franck Caldeira (BRA), 52min49s/ Salina Kosgei (QUE), 1h02min20s

2002 – Vanderlei Cordeiro (BRA), 53min10s/ Márcia Narloch (BRA), 1h02min28s

2001 – David Cheruyiot (QUE), 53min07s/ Zeferina Baldaia (BRA), 1h02min12s

2000 – David Cheruyiot (QUE), 53min13s/ Cleuza Maria Irineu (BRA), 1h01min48s

1999 – Vanderlei Cordeiro, 52min30s/ Cleuza Maria Irineu (BRA), 1h02min05s

Mais informações no site www.voltadapampulha.com.br

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *