Gorduras: Muito Além do Fornecimento de Energia

POR PAOLA NUNES – Exercícios prolongados e intensos, como a corrida, podem ocasionar fadiga, que leva à queda na performance e ao aumento do risco de desenvolver lesões, principalmente às articulares. Além de desgaste de alguns tecidos pelo excesso de exercício, a própria atividade física induz a formação de substâncias pró oxidantes, que, quando em excesso, podem prejudicar a recuperação pós exercício.

Apesar das doenças relacionadas às cartilagens articulares apresentarem como causa fatores relacionados à função hormonal, a mecânica e a genética, a nutrição pode atuar na prevenção do desenvolvimento desses distúrbios.

Nesse contexto, o consumo de lipídeos contribui não apenas para o fornecimento de energia, mas também como fonte de vitaminas lipossolúveis, tais como a vitamina A, fundamental para boa saúde das mucosas, desta forma, auxilia na prevenção de infecções do trato respiratório; vitamina D, importantíssima para a imunidade e manutenção de cálcio no organismo (mineral este recrutado na contração muscular); vitamina E, com potente ação antioxidante pode proteger estruturas celulares que apresentam afinidade por lipídeos tais como, mitocôndrias, retículo sarcoplasmático e membranas plasmáticas. Além das vitaminas lipossolúveis, os lipídeos fornecem ácidos graxos essenciais, que são componentes das membranas celulares envolvidas em transportes de lipídeos e precursores hormonais que regulam a resposta inflamatória.

Entre os ácidos graxos essenciais, encontramos o ômega 3, que contribui para a redução da inflamação em pessoas com distúrbios articulares.

A determinação de suplementação ou via alimentar em relação a quantidades, horários do dia para melhor aproveitamento e combinação com outros componentes que devem estar associados a esses nutrientes deve ser feita por nutricionista, a partir de informações específicas do treinamento, período de competição, hábitos e informações de sinais e sintomas individuais.

Sugestões saborosas para que seu plano alimentar contenha boas fontes de gorduras:

pate atumPasta de Atum com Abacate

½ Abacate

½ Limão espremido

1 Colher (sobremesa) ervas – cominho

Orégano

Tomilho

Salsinha

1 Tomate

Atum.

Amassar o abacate, espremer o limão sobre o abacate, acrescentar o tomate em cubos pequenos, as ervas e o atum.

Para empanar filé de Tilápia ou Atum

Castanha de caju

Semente de gergelim

Gengibre

Cúrcuma

Limão

Azeite.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.