Mantenha-se ativo durante a quarentena!

POR DANIELA BARCELOS – Diariamente, em todos os tipos de veículos de comunicação, somos informados do que está ocorrendo no mundo todo desde quando o Covid-19 foi detectado.

Aos poucos, todos os países tiveram que tomar providências para evitar a proliferação rápida e a sobrecarga do sistema de saúde.

Uma das medidas principais adotadas foi o isolamento social. Aulas foram suspensas, muitas empresas suspenderam as atividades, o comércio que não faz parte do serviço essencial teve que ser fechado, e não se aglomerar é o que temos que evitar. Com certeza cada um de nós está sentindo estas paradas de alguma forma.

E isso atingiu bastante também o mundo da corrida que compartilhamos diariamente, com o cancelamento e adiamento das provas do primeiro semestre, treinos de assessorias suspensos, academias e todos espaços que estão relacionados com o esporte fechados.

Dependendo do local de residência, muitos não estão realizando os treinos de corrida, e isso gera em massa uma desmotivação por tirar do praticante algo que faz parte da rotina integralmente.

Muitos profissionais, tanto da área de Educação Física como de Fisioterapia, publicam através de postagens ou transmissões ao vivo, sugestões para substituir neste período os treinos de corrida. E isso está ajudando muito gente.

Porém, é importante que a pessoa esteja bem atenta ao tipo de série de exercícios escolhida para saber o estímulo que irá promover ao seu corpo. Neste período é importante que a série integre exercícios que tenham um intuito de trabalhar o sistema aeróbio (a fim de substituir a corrida que é uma atividade aeróbia) e também exercícios de fortalecimento para uma manutenção da força muscular, que será o aspecto mais afetado com a interrupção dos treinos, principalmente para membros inferiores, caso o período de restrições perdure por mais de 30 dias.

Alguns exemplos de exercícios aeróbios que podem ser feitos caso a pessoa não tenha nenhum tipo de aparelho: polichinelos, corrida estacionária, subida no banco, deslocamento lateral.

Lembrando que mesmo que seja um praticante de corrida experiente, aumente o tempo de execução destes exercícios gradativamente.

Alguns exemplos de exercícios de fortalecimento com as mesmas características de serem feito sem aparelhos para a manutenção da força: agachamentos, afundo, elevação do calcanhar (para membros inferiores) e flexões, pranchas para membros superiores e core.

Estes exercícios manterão você de forma ativa durante este período e trabalharão com mais eficiência do que corridas em ambientes muito pequenos, como vemos frequentemente pessoas fazendo. Utilize sempre a percepção subjetiva de esforço para medir a intensidade da sessão.

Sei que isso não substitui a sua corrida diária de uma forma prazerosa, mas com certeza te ajudará manter seu corpo em movimento promovendo os benefícios de uma atividade física.

A torcida é que as coisas melhorem para todos, para que o mundo volte a funcionar em todas as esferas. Porém, para isso, é importante que todos façam a sua parte para que esta pandemia possa passar por nosso país sem afetar todo o sistema.

Mantenha seu corpo e mente ativos, a união deles te ajudará a enfrentar esta situação e também a ajudar aos seus próximos.

Sigamos em frente, e de forma positiva.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.