O encanto e a alegria da 27ª São Silvestrinha estão de volta

Prova infantojuvenil, que não acontecia desde 2019, voltou a ser realizada neste sábado em grande estilo

A Corrida Internacional de São Silvestre é a maior prova de rua a América Latina, reunindo corredores de todo o mundo, entre profissionais renomados e amadores há 97 anos. Essa “velha senhora” já conquistou seu espaço no cenário internacional e no imaginário de todos os atletas. Para ficar ainda melhor, graças a ela, surgiu, em 1994, a São Silvestrinha, evento infantojuvenil para crianças e jovens de 4 a 17 anos. Entre os objetivos está o incentivo à prática esportiva e ampliação da base do esporte.

E, com quase três décadas de história, ela também ocupa um lugar especial no coração de que gosta de esporte. Neste sábado, dia 16, a prova voltou à programação oficial da 98ª São Silvestre, reunindo centenas de atletinhas de diferentes partes do país na pista do Centro Olímpico de Treinamento e Pesquisa Marechal Mário Ary Pires, em São Paulo. A alegria dos participantes e de seus familiares foi a marca da manhã ensolarada e quente, mas que não tirou o ânimo de ninguém. As baterias variaram de 100 a 800 metros, cada uma adequada a cada faixa etária.

A São Silvestrinha é uma prova democrática. Afinal, além de reunir os pequenos e colocá-los em contato com o esporte de forma lúdica, participativa e divertida, também reúne jovens atletas, que treinam e participam de competições. Essa edição ainda teve uma novidade importante para a integração da família, com a participação de duplas formadas pelo atleta e o seu responsável.

“É bom, pois podemos ver diferentes níveis em um mesmo evento. Meu pequeno está fazendo sua primeira São Silvestrinha e está bastante animado com toda a movimentação. Outro ponto positivo é ver as famílias incentivando a participação das crianças”, destaca a advogada Fernanda Melo, mãe do Lucas, de 4 anos. “Difícil é controlar a ansiedade”, brincou.

Na disputa dos maiores, valendo pódio, os destaques foram seguintes: Wendell Silva e Ana Luiza Ignácio na faixa etária de 17 anos; Luis Guilherme e Alana Bernardo, nos 16; Maria Clara Nascimento e Arhtur Gabriel, nos 15; Iago Silva e Gabriele Iuna, nos 14 anos. Os atletas foram premiados por nada menos que uma lendo do esporte, José João da Silva, bicampeão da Corrida de São Silvestre.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *