Qual o papel dos probióticos na performance?

POR CAMILA GOMES – Probióticos são definidos como ingredientes alimentares vivos que são benéficos para a saúde e ocorrem naturalmente em produtos alimentícios fermentados, como iogurte, kefir, chucrute, couve.

Inúmeros benefícios à saúde têm sido atribuídos aos probióticos, incluindo efeitos sobre a função do trato gastrointestinal e doenças, função imune, hiperlipidemia, hipertensão e condições alérgicas. Além disso, os  probióticos podem melhorar as respostas imunológicas de atletas fatigados. Em resumo, este pode fornecer aos atletas benefícios à saúde que poderiam afetar positivamente o desempenho atlético por meio de recuperação aprimorada da fadiga, melhor função imunológica e manutenção da função do trato gastrointestinal saudável.

 

PERFORMANCE, IMUNIDADE E COMPOSIÇÃO CORPORAL

Atletas têm exigências nutricionais extremamente altas devido ao estresse do treinamento de alta intensidade, competição e um estilo de vida ativo geral. A preponderância de ingestão de proteína e alta quantidade de carboidratos necessários para a atividade de combustível coloca pressão adicional sobre o sistema digestivo, além de perturbar o equilíbrio dos microrganismos, reduzindo as contagens de probióticos. Isso é agravado pela pura ingestão calórica, que muitas vezes assume a forma de fast food ou escolhas semelhantes, menos do que ótimas. Com o tempo, isso se torna crônico e a ingestão de alimentos não equivale à absorção de nutrientes, o que pode levar a um efeito catabólico no tecido muscular e afetar adversamente o desempenho geral.

Portanto, as evidências são claras – os probióticos são essenciais para melhorar o desempenho atlético, a recuperação e a saúde geral. Para tirar o máximo proveito dessas bactérias benéficas, podemos encontrar em forma de pós, cápsulas ou em alimentos.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.